" /> Bairro Antonio Bezerra. Com. Br - Av. Sargento Hermínio Sampaio
   
   

Pesquisa no Site

Entrar

Usuário:

Senha:

Lembrar-se



Esqueceu a senha?

Cadastre-se agora.

Livro de Visitas

Nossa Cidade

Sobre o Site

Menu

Av. Sargento Hermínio Sampaio imag1
Home / Av. Sargento Hermínio Sampaio

Av. Sargento Hermínio Sampaio

Nomeador de uma das avenidas que cruzam o Bairro Antônio Bezerra, HERMÍNIO AURÉLIO SAMPAIO, era filho de Antônio Aurélio Costa e de D. Josefina Alves Sampaio, nasceu em 12 de junho de 1908, em Crateús, Estado do Ceará, casado com D. Sebastiana Amieiro Sampaio e residia à rua Vaz Caminha nº 226, casa I, em Engenho Novo, no Distrito Federal.

Serviu duas vezes ao Exército Nacional. A primeira praça verificou em 2 de janeiro de 1930, no Regimento Sampaio, tendo sido licenciado, como cabo, em 3 de dezembro de 1937, ficando considerado resevista de 1ª categoria, e, no dia 7 é promovido a graduação de 3º Sargento para a Reserva, por possuir o respectivo curso. 

A segundo se deu quando, atendendo ao chamado da Pátria, apresentou-se no dia 21 de maio de 1943, como 3º Sargento. Foi promovido a 2º para o preenchimento de vaga, ficando classificado como auxiliar do 2º Pelotão da 4ª. Companhia, em cujas funções seguiu com o Regimeno para a guerra.

Já na Itália, revelou-se um auxiliar dedicado e eficiente, contribuindo extraordinariamente na afanosa tarefa de recebimento do Material Bélico e Equipamento, em Tenuta de San Rossore, e, em Filétole nos treinamentos da última fase dos preparativos para entrada em ação trabalhando incessantemente em benefício de seu pelotão. E assim conquistou o respeito e camaradagem dos seus soldados e a confiança dos seus superiores.

Na madrugada do dia D partiu com o seu pelotão para o combate, sempre ao lado do seu Comandante de Pelotão, conquistando todos os objetivos, apesar das violentas barragens de artilharia e morteiros inimigos. Em meio deste pandemônio se iniciava a tragédia prevista: ficava ferido gravemente o Ten. Galotti, Comandante do Pelotão, não podendo continuar à testa de sua fração. Ante às gargalhadas sinistras dos morteiros inimigos e a necessidade do cumprimento da missão atribuída ao Pelotão, era forçoso continuar o avanço. Eis quando o Sargento Sampaio, impetuoso e decisivo, grita para os seus homens: "Precisamos avançar! Venham comigo!". Levantou-se e partiu no comando do Pelotão, galgando mais alguns metros do terreno, foi detido por fortíssimas rajadas de metralhadoras. Começou então, auxiliado por um soldado, a preparar uma posição para Fuzil Metralhador, quando uma certeira e mortífera rajada o atingiu, caindo fulminado, empunhando a pá com que organizava a posição.

Assim tombou o Sargento Aurélio Sampaio, como um herói,levando gravada na retina, a imagem sacrosanta da Bandeira do Brasil, jamais ultrajada.

Indique esta página a um amigo! Preparar para Impressão

Publicidade

Colunas BAB

Por Rossana_Brasil

Só sei que nada sei...

15 May 2020
É a vida que de fato está em jogo. Aguardamos ansiosos a manchete, talvez de toda nossa história pós advento do Cristo: cientistas descobrem a cura para o novo coronavírus!
Por leonardofsampaio
Este é um instrumento que tem por finalidade divulgar produções literárias, poéticas, culturais e ambientais

Vende-se um açude!!!

16 Mar 2020
"...Pelo visto, não basta só se indignar, é necessário gritar, ou até acampar exigindo atitudes dos gestores públicos..."
Por VALENTIM

Os precursores da fotografia no Antônio Bezerra

27 Jan 2020
"...Outro foto bastante conhecido dos moradores de Antonio Bezerra foi o saudoso “Foto Iracema” pertencente inicialmente ao Luiz Magrinho, localizado na Rua Hugo Victor nº 44..."
Por Robson
Conteúdo sobre a RCC, Renovação Carismática Católica

O Bom Pastor!!!!!!

15 May 2020
O conceito da palavra “salvação” vem do grego sötëria de onde a tradução nos remete a cura, remédio. No latim, salus tinha um significado muito particular na época.