" /> Bairro Antonio Bezerra. Com. Br - José Moreira Leitão
   
   

Pesquisa no Site

Entrar

Usuário:

Senha:

Lembrar-se



Esqueceu a senha?

Cadastre-se agora.

Livro de Visitas

Nossa Cidade

Sobre o Site

Menu

José Moreira Leitão imag1
Home / José Moreira Leitão

José Moreira Leitão

José Moreira Leitão, ou simplesmente Leitão, como era conhecido nos meios sindicais, nasceu na cidade de Paracuru, em 13 de novembro de 1923.

Eram seus pais o comerciante Raimundo de Oliveira Leitão e D. Margarida Moreira Leitão, companheira dedicada que acompanhava os negócios do marido e trabalhava com artesanato nas horas de folga.
Fez seus primeiros estudos, aos sete anos de idade, na Escola Isolada de Paracuru, com a professora Maria Luísa Sabóia Ribeiro.

Muito jovem ainda, com 17 anos, transferiu-se para Fortaleza, a fim de trabalhar. Residiu na casa de um tio e foi comerciário durante cinco anos.

Em 1946, foi trabalhar com os seus primos numa indústria de curtimento de couros, exercendo a função de auxiliar de escritório. Logo ingressou no sindicato da categoria, passando a participar de suas campanhas, granjeando a confiança de seus colegas de trabalho pela maneira serena e equilibrada de encaminhar os problemas que se apresentavam. Algum tempo depois, em 1968, foi eleito para os quadros da Federação dos Trabalhadores nas Indústrias do estado do ceará, a cuja presidência ascendeu há oito anos.

Em 1949, foi eleito para o quadro da Federação dos Trabalhadores nas Indústrias do Estado do Ceará, da qual foi presidente de 1968 a 1976, ano do seu falecimento.
À frente daquela entidade, a sua principal preocupação era a promoção social do industriário.
Ocupou ainda os seguintes cargos: Presidente da Federação dos Trabalhadores nas Indústrias, Juiz Classista do Tribunal Regional do Trabalho, Assessor Sindical do Geral do Norte e Nordeste da Confederação Nacional dos Trabalhadores nas Indústrias.

Defensor árduo dos direitos trabalhistas, como o 13º salário, desenvolveu um trabalho de formação e fortalecimento de entidades sindicais integrantes do grupo da indústria, que se irradiou por quase todo o interior cearense. Graças a essa ação construtiva conquistou uma liderança incontestável.

Líder de formação essencialmente democrática, soube colocar os interesses legítimos de sua categoria acima de qualquer outros, porém, na defesa desses interesses, jamais criou espaços entre empregados e empregadores. Era, por conseguinte um homem aberto ao diálogo e ao entendimento entre as partes.

Faleceu no dia 19 de outubro de 1976, vítima de uma trombose. Seu corpo foi velado na sede da Federação, sendo visitado por elevado número de trabalhadores, empresários, estudantes e pessoas do povo. Foi, em seguida, transladado para a residência da família, no bairro de Antônio Bezerra, donde saiu para ser sepultado no cemitério do mesmo lugar.
A Federação dos Trabalhadores nas Indústrias do Estado do Ceará, juntamente com os seus sindicatos filiados, decretaram três dias de luto, em homenagem a uma das suas figuras mais expressivas e genuínas.

José Moreira Leitão casou-se em 1952, com D. Maria de Lima Leitão, de cujo consórcio tiveram os seguintes filhos: Carlos Alberto, Antônio Flávio (falecido), Antônia Maria, Carlos Roberto, César Augusto, Regina Célia, Maria Eliane e Raimundo Nonato.

 


Indique esta página a um amigo! Preparar para Impressão

Publicidade

Colunas BAB

Por Rossana_Brasil

Só sei que nada sei...

15 May 2020
É a vida que de fato está em jogo. Aguardamos ansiosos a manchete, talvez de toda nossa história pós advento do Cristo: cientistas descobrem a cura para o novo coronavírus!
Por leonardofsampaio
Este é um instrumento que tem por finalidade divulgar produções literárias, poéticas, culturais e ambientais

Vende-se um açude!!!

16 Mar 2020
"...Pelo visto, não basta só se indignar, é necessário gritar, ou até acampar exigindo atitudes dos gestores públicos..."
Por VALENTIM

Os precursores da fotografia no Antônio Bezerra

27 Jan 2020
"...Outro foto bastante conhecido dos moradores de Antonio Bezerra foi o saudoso “Foto Iracema” pertencente inicialmente ao Luiz Magrinho, localizado na Rua Hugo Victor nº 44..."
Por Robson
Conteúdo sobre a RCC, Renovação Carismática Católica

O Bom Pastor!!!!!!

15 May 2020
O conceito da palavra “salvação” vem do grego sötëria de onde a tradução nos remete a cura, remédio. No latim, salus tinha um significado muito particular na época.