" /> Bairro Antonio Bezerra. Com. Br - Bairro Gerôncio Bezerra: O bairro que nem os próprios moradores conhecem - Noticias BAB - Notícias Novas
   
   

Pesquisa no Site

Entrar

Usuário:

Senha:

Lembrar-se



Esqueceu a senha?

Cadastre-se agora.

Livro de Visitas

Nossa Cidade

Sobre o Site

Menu

Bairro Gerôncio Bezerra: O bairro que nem os próprios moradores conhecem - Noticias BAB - Notícias Novas imag1
Noticias BAB : Bairro Gerôncio Bezerra: O bairro que nem os próprios moradores conhecem
Enviado por BAB em 06/01/2011 13:00:00 () Notícias do mesmo autor

“Padre Andrade”, tudo bem. “Cachoeirinha” aparece de vez em quando na correspondência. Mas, quando perguntam onde Ribamar Carneiro, 42, mora, ele gosta de responder que é “no Parque Rio Branco”.

O cozinheiro não se surpreende com a variedade de nomes de bairros que podem indicar seu endereço.

Ainda assim, não esperava ser comunicado pelo O POVO que, na verdade, legalmente reside no bairro Gerôncio Bezerra. “Eu acho errado, tem que ter o nome como todo mundo já conhece”, reage.

A denominação do bairro onde Ribamar e os vizinhos ainda costumam conversar à noite, na calçada, foi oficializada na Câmara Municipal de Fortaleza pelo decreto legislativo 294, de 20 de novembro de 2007.

No mapa da Prefeitura, no entanto, a divisão não é utilizada. No supermercado na rua Evandro Luz, um dos limites descritos no decreto, ninguém tinha a referência do bairro.

Somente Tânia Menezes de Oliveira, 47, soube informar que Gerôncio Bezerra foi um político famoso na região. “Ouvi falar que ajudou muita gente”. O nome mais conhecido é mesmo o de Parque Rio Branco.

Algumas ruas adiante, já próximo ao terminal do Antônio Bezerra, vive a família do político homenageado.

Open in new window


Maria José Bezerra Loyola segura a foto do pai, Gerôncio Bezerra, que foi vereador e deputado (Por: IGOR DE MELO)




Maria José Bezerra Loyola, 64, a mais velha dos 11 filhos, conta que o pai foi vereador, deputado e ainda ajudou a fundar escolas na região. “Achei que ele merecia e muito (a homenagem). Foi um grande e humilde homem, conhecido como seu Bezerrinha”.

O histórico de Gerôncio Bezerra pode ser lido no decreto legislativo que deu origem ao bairro, inexistente na prática.

Pela Lei Orgânica do Município, somente os vereadores podem oficializar o nomes de bairros, ruas e outros equipamentos públicos em Fortaleza.

A justificativa da Prefeitura para não ter incluído o bairro no mapa é simples: seria preciso dividir o Padre Andrade em três partes, incomunicáveis entre si, para comportar o novo bairro nos limites fixados pelo decreto, de autoria do vereador Marcus Teixeira (PMDB).

“É impossível localizar um negócio desses”, reforça Vera Feijão, gerente da célula de Informação e Estatística da Coordenadoria de Desenvolvimento Urbano da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Urbano e Infraestrutura (Seinf). Ela diz já ter feito reuniões na Câmara para explicar a importância de consultar a Prefeitura antes de criar os bairros, mesmo que, desde 2006, o Município não possa interferir legalmente no processo, uma modificação feita pela última Lei Orgânica.

Outra dificuldade de implementar na prática o decreto, segundo ela, é que o bairro não segue as delimitações fixadas desde o início dos anos 80, numa parceria feita entre Prefeitura e o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Por esse desenho, existem divisões territoriais obedecidas pelo censo e é possível saber, por exemplo, de quanto é a população de determinado bairro.

Como

ENTENDA A NOTÍCIA

A articulação entre Prefeitura de Fortaleza e vereadores poderia evitar que as decisões do legislativo na criação de bairros acabassem questionadas, na prática, pelo Executivo.

SAIBA MAIS

Para facilitar a compilação de informações sobre a população em Fortaleza, a cidade foi dividida em setores censitários. Os bairros ficaram formados por um conjunto de setores, que servem de base para as Regionais.

Vera Feijão cita outros dois casos de bairros criados por decreto legislativo mas não incluídos no mapa. São eles Patriolino Ribeiro (não obedece a divisão de setores censitários) e Parque Santa Maria (divide o bairro Ancuri em duas partes).

POLÊMICA

A criação do bairro Patriolino Ribeiro foi mote de polêmica recente na Câmara dos Vereadores. O bairro existe desde maio, agregando parte do bairro Luciano Cavalcante ao que antes era conhecido, porém não oficializado, com o nome de Guararapes.


Lideranças comunitárias do Engenheiro Luciano Cavalcante querem que o decreto que criou o bairro seja vetado. Ele é de autoria do vereador Vitor Valim (PHS). Os argumentos dos moradores são relativos a equipamentos importantes que deixaram de fazer parte do Luciano Cavalcante, como a própria Câmara, e a relação afetiva com o bairro.


Neybson Pires argumenta que não foi preciso fazer audiência pública para discutir a mudança de nome porque Guararapes não havia sido oficializado.


GERÔNCIO BEZERRA


O bairro é oficialmente delimitado, ao norte, pela avenida Sargento Hermínio. Ao sul, pela avenida Mister Hull. A leste, pela rua Evandro Luz, e a oeste, pela avenida Demétrio de Menezes.

O POVO tentou conversar com o vereador Marcus Teixeira sobre a criação do bairro Gerôncio Bezerra.

Na semana passada e ontem, foram deixados recados e telefones de contato no gabinete do vereador. A informação era de que ele não havia ido ao gabinete durante a votação do orçamento do Município e depois teria viajado.

Também foram feitas tentativas para números de celular, mas ou não atenderam, ou estavam desligados.

Biografia de Gerôncio Bezerra



Fonte: O POVO

Larissa Lima
larissalima@opovo.com.br

 
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Publicidade

Colunas BAB

Por Rossana_Brasil

Contagem regressiva ...

29 Dec 2020
...No ano que vem, eu irei emagrecer, parar de fumar, arrumar um amor, praticar exercícios, ganhar dinheiro, mudar de emprego e por aí vai...
Por leonardofsampaio
Este é um instrumento que tem por finalidade divulgar produções literárias, poéticas, culturais e ambientais

Vende-se um açude!!!

16 Mar 2020
"...Pelo visto, não basta só se indignar, é necessário gritar, ou até acampar exigindo atitudes dos gestores públicos..."
Por VALENTIM

Os precursores da fotografia no Antônio Bezerra

27 Jan 2020
"...Outro foto bastante conhecido dos moradores de Antonio Bezerra foi o saudoso “Foto Iracema” pertencente inicialmente ao Luiz Magrinho, localizado na Rua Hugo Victor nº 44..."
Por Robson
Conteúdo sobre a RCC, Renovação Carismática Católica

Vamos ser julgados!

04 Jan 2021
...Olhe para você. Tens cuidado de você? Você é uma casa, comprada por um alto preço! Tens cuidado de você?...