“Natal verde 2007”

Data 16/12/2007 08:50:00 | Tóopico: Noticias BAB

O programa Consciência Ecológica e a GEDAM, promoveram mais “um natal verde”, este ano foi na aldeia dos índios Tapebas na manhã do dia 16/12/2007, localizado na cidade Caucaia-CE. Essa manhã irá ficar marcada nas lembranças das crianças Tapebas, pois pela primeira vez o “Papai Noel” vem a sua aldeia para participar de uma festa natalina, alimentando os sonhos, pois eles só viam Papai Noel pela televisão.
Desenvolvemos uma campanha de doação de brinquedos e roupas, onde várias entidades e pessoas nos ajudaram nessa empenhada, como a Loja Uirapuru, Avepec, E.E.F.M. Antônio Bezerra, Curso de Informática Cyber-Tec, Wilson, Fran, Profª. Cláudia, J.B.Bomboniere, Vereador Diogo da Cidade de Caucaia. Na oportunidade foi homenageada com certificado a Entidade “Raiz da Cidadania de Antônio Bezerra” com o título “Entidade Amiga da Natureza” e a homenageada Francisca Alves Cardoso com o título “Amiga da Natureza”.
A todos vocês muito obrigado pela contribuição.


Tapeba – Uma luta constante pela sobrevivência

A luta do povo indígena é uma luta constante, além de lutar para preservar a sua cultura e a sua identidade e sua própria sobrevivência, o índio precisa lutar contra os mal costumes do “homem moderno”, a degradação do meio ambiente.
Os índios sempre souberam preservar o meio ambiente, tirando dele apenas o necessário para sua sobrevivência, vivendo em harmonia e paz com a mãe natureza.

Hoje, mais do que nunca o índio deve lutar para manter a sua identidade, principalmente para não ser dizimado pelos problemas do “homem moderno”, e um desses problemas é a questão de cuidar melhor da natureza, não deixando que o lixo tome de conta, evitando que mais e mais nossas águas venham a ser poluídas, ensinando as crianças, que são o nosso futuro, a cuidar melhor do local em que vivem, sabendo respeitar o nosso meio ambiente.

E nessa luta, o povo indígena Tapeba, deve contar com a máxima união de seu povo, evitando que todos esses problemas do “homem moderno” não atinja as suas crianças e seus jovens, buscando sempre educá-los para manter a sua identidade de herdeiros diretos dos donos natos dessa terra, e fazendo com que não se repita o que o “homem moderno” faz ao meio ambiente, deve-se ensinar as crianças a respeitar a natureza, não jogando lixo nos rios, não tocando fogo nas matas, pois devasta a fauna e a flora, respeitando a pesca do caranguejo e sempre se reunirem para encontrar a melhor solução de como preservar o local em que vivem.

GEDAM – Grupo de Educação Ambiental.

Confira as fotografias desse evento:





Este artigo veio de Bairro Antonio Bezerra. Com. Br
http://www.bairroantoniobezerra.com.br/BAB

O endereço desta história é:
http://www.bairroantoniobezerra.com.br/BAB/modules/news/article.php?storyid=1156