" /> Bairro Antonio Bezerra. Com. Br - Alimentação de qualidade para ajudar sua visão
   
   

Pesquisa no Site

Entrar

Usuário:

Senha:

Lembrar-se



Esqueceu a senha?

Cadastre-se agora.

Livro de Visitas

Nossa Cidade

Sobre o Site

Menu

Open in new window

Alimentação de qualidade para ajudar sua visão imag1

BAB na TV Jangadeiro

 Colunas BAB 
HomeColunas BABOptometria • Alimentação de qualidade para ajudar sua visão

Optometria

Alimentação de qualidade para ajudar sua visão

Imprimir artigo Enviar este artigo para um amigo. 
Veja como a sua alimentação pode ajudar na saúde dos seus olhos.
A adoção de uma alimentação saudável não previne somente doenças do coração, rins e outros órgãos vitais. Algumas vitaminas e nutrientes têm o poder de retardar a degeneração macular relacionada à idade, problema que pode levar à cegueira, entre outros males, como o ressecamento ocular e até a catarata.

Contra a degeneração macular, problema relacionado à idade, o aliado dos olhos é o ômega-3, presente principalmente nos peixes e oleaginosas, como nozes, amendoim, castanhas, amêndoas, entre outras. Segundo uma pesquisa realizada na Universidade de Melbourne, na Austrália, altas doses dessa gordura são encontradas na retina e precisam ser constantemente renovadas, porque o déficit dela pode favorecer o aparecimento da doença. Outro problema na visão que pode ser prevenido por meio do consumo de ômega-3 é a secura dos olhos, cujas gorduras benéficas ajudam na lubrificação do globo ocular.

Os radicais livres, que danificam as células do corpo, atingem também os olhos, causando, entre outros males, o estresse oxidativo. A melhor forma de prevenção é o consumo de alimentos com poderes antioxidantes, que protegem o desenvolvimento e progressão de problemas já existentes. Temos como exemplos, a vitamina A (presente na cenoura, abóbora, tomate, fígado de boi, leite, ovos, entre outros), Niacina ou mais conhecida como vitamina B3, (amendoim, salmão, atum), Riboflavina, vitamina B2, (fígado, leite, carne bovina), Tiamina, vitamina B1, (cereais integrais, farinha de aveia, carnes, nozes), Folato ou popularmente conhecido como vitamina B9 ou somente ácido fólico, (brócolis, espinafre, tomate), vitamina E (óleos vegetais, gérmen de trigo), ômega 3 (salmão, atum, sardinha) e vitamina B12 (peixes, ovos, carnes, cereais integrais).

Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS) e a Agência Internacional para a Prevenção da Cegueira (IAPB – International Agency for Prevention of Blindness), a catarata é a principal causa de cegueira no mundo e, para 50% das pessoas acometidas por catarata, ela é tão prejudicial a ponto de prejudicar a visão. Um estudo realizado na Índia por uma equipe liderada pelo médico americano David Gritz, em 2006, analisou os efeitos da suplementação de antioxidantes em pacientes com a doença. Tal estudo mostrou que o uso desses antioxidantes poderiam retardar o início da catarata em até 10 anos e a necessidade de cirurgia poderia diminuir em até 45%.

Muitos alimentos que agradam ao paladar visualmente podem ser extremamente prejudiciais à saúde ocular. Sal, gorduras trans e saturadas, doces e carboidratos refinados em geral, aumentam o risco de hipertensão arterial, colesterol e triglicerídeos altos. Estas disfunções, além de causar uma série de outras reações, interferem diretamente na saúde visual. Além disso, os diabéticos que não controlam os níveis de glicose no sangue são os principais alvos de lesões que, no decorrer do tempo, causam a cegueira.

O indicado para diabéticos é uma alimentação com índice glicêmico baixo, ou seja, consumir alimentos que não disparam rapidamente as taxas de açúcar no sangue. Portanto, uma alimentação saudável e equilibrada ajuda entre outras coisas, também contra doenças oculares. Sobre essas e outras queixas procure um profissional nutricionista para avaliar e traçar a melhor estratégia para você.

Fonte: Thais Ângelo, nutricionista.


Open in new window
Optometria:
| Avaliação: 1.00 | Votos: 1.
  1 2 3 4 5 6 7 8 9 10  

Publicidade