" /> Bairro Antonio Bezerra. Com. Br - Traição maligna
   
   

Pesquisa no Site

Entrar

Usuário:

Senha:

Lembrar-se



Esqueceu a senha?

Cadastre-se agora.

Livro de Visitas

Nossa Cidade

Sobre o Site

Menu

Traição maligna imag1
 Colunas BAB 
HomeColunas BABDependência Química • Traição maligna

Dependência Química

Traição maligna

Imprimir artigo Enviar este artigo para um amigo. 
A traição é uma das experiências mais dolorosas que uma pessoa pode ter. Muitas vezes, é justamente a confiança traída que "arde": o turbilhão de raiva, insegurança, culpa e dúvidas que a pessoa traída sente em relação ao parceiro pode levar ao encerramento da história de amor. No entanto, depois de uma infidelidade, há casais que decidem continuar o relacionamento de qualquer maneira, sem ver a fenda que criou a traição.

Se ambos os parceiros ainda acreditam na relação, porque entendem que no final ainda há amor e na verdade as coisas antes da traição não iam tão bem, e o choque causado pela traição criou uma ruptura por assim dizer "catártica", que pode levar a um renascimento, então poderíamos tentar, mas dando a ambos os parceiros tempo para curar suas feridas e refletir sobre as causas.

Os motivos da traição são diferentes e variam consoante o casal: podem ser intrínsecos a características pessoais ou que tenham a ver com dinâmicas internas - por exemplo, muitas vezes ele trai porque a relação está a entrar em crise, ele não comunica, um não aprecia mais e não se sente mais amado.

Quaisquer que sejam os motivos, é fundamental tentar compreendê-los e tratá-los com o seu parceiro, para superá-los. Normalmente, depois de uma traição, não é o amor que acaba, mas a confiança que se estilhaça. Apesar disso, nem tudo está perdido e uma história de amor pode ser reconstruída, mesmo que não seja um trabalho simples e você precise estar pronto para que os resultados não sejam imediatos. Portanto, uma infidelidade é vivida no casal como um autêntico terremoto que abala os alicerces do mundo que ele havia construído e no qual se sentia seguro e confortável.

Reiniciar um amor após uma traição é, portanto, possível, mas devemos nos comprometer e ter perseverança, paciência e vontade. Seguindo os estudos da Dra. Ann Meyer, há passos a serem colocados em prática: o primeiro, de tudo, diz respeito à empatia: quem foi infiel deve se colocar no lugar do outro e compreender perfeitamente por que e como prejudicou o seu parceiro. É importante aprofundar a compreensão dos sentimentos do outro e quais são as coisas que o machucam em detalhes (bem como, obviamente, o aspecto da própria traição).

É importante seguir esses passos sem pressa, pois se escondermos nossa dor na areia, mais cedo ou mais tarde ela voltará a aparecer.

O segundo passo é redescobrir a comunicação; esta última é fundamental em qualquer relacionamento, assim como a capacidade de expressar os próprios sentimentos para voltar a estabelecer bases sólidas. Muitas vezes, temos como certo que nosso parceiro só pode compreender nossos sentimentos com um olhar, mas não é o caso.

É importante comunicar o que sentimos ao outro para que eles tenham consciência disso e para que os problemas possam ser superados juntos. Então, o que podemos fazer para expressar nossos sentimentos? Choramos pelo que aconteceu se sentimos vontade de chorar, fazemos todas as perguntas que temos vontade de fazer: qual foi a motivação para a traição, que sentimentos você teve, o que você pensa sobre o relacionamento, etc.

Não estamos na defensiva, mas tentamos ter a mente aberta para entender os erros cometidos e o que podemos melhorar. Às vezes vai parecer que você deu grandes passos e se sentir muito bem, enquanto outras vezes vai parecer que você está de volta ao ponto de partida; em qualquer caso, vai parecer um longo caminho.

Nos momentos em que tudo parece fossilizado e quando você está prestes a cair na armadilha de reprovar as coisas, respire fundo e pare. Relembre o seu amor pelo seu parceiro e expresse-o oferecendo um ombro de apoio, para reconstruirmos juntos um amor com futuro. E lembre-se sempre que o caminho para a confiança, depois de uma traição, exige tempo, paciência, perseverança e comprometimento.

Open in new window
Dependência Química:
| Este artigo ainda não foi avaliado | 0.
  1 2 3 4 5 6 7 8 9 10  

Publicidade

Colunas BAB

Por Robson
Conteúdo sobre a RCC, Renovação Carismática Católica

Cada comunidade é uma obra de Deus

20 Sep 2021
Como é o amor quem fortalece nossos vínculos espirituais, podemos faze-los crescer através da oração.
Por Emanuel_Santos

Faltou onda para Medina e sobrou para Ferreira

09 Aug 2021
Viva o nordeste e viva o esporte brasileiro.
Por Rossana_Brasil

A criança que se concentra é imensamente feliz.

20 Sep 2021
...Em segundo lugar, uma atitude essencial para a família: nada de TV ligada nem celulares à mesa. O momento das refeições é um dos pontos mais importantes da convivência em família...
Por VALENTIM

As memórias do circo que conheci na infância

20 Sep 2021
Circo montado. Era hora de sair em carreata pelas ruas do bairro.
Por leonardofsampaio

Dom, está vivo na terra e na eternidade

20 Sep 2021
...Eram pessoas que naquela época não conseguiam falar nem com o Vigário e ali conversavam com o Cardeal quase Papa...