" /> Bairro Antonio Bezerra. Com. Br - O Amor tão procurado!!!
   
   

Pesquisa no Site

Entrar

Usuário:

Senha:

Lembrar-se



Esqueceu a senha?

Cadastre-se agora.

Livro de Visitas

Nossa Cidade

Sobre o Site

Menu

O Amor tão procurado!!! imag1
 Colunas BAB 
HomeColunas BABDependência Química • O Amor tão procurado!!!

Dependência Química

O Amor tão procurado!!!

Imprimir artigo Enviar este artigo para um amigo. 
Na modernidade, muitos mais que em qualquer outra época da história da humanidade, o amor tem sido assustadoramente deturpado. As pessoas têm confundido o belo sentimento por uma admiração do corpo magro ou gordo ou da conta bancária que alguém sustenta, pela popularidade (fama) que possui ou pelos signos do sucesso como um carro ou até mesmo uma bolsa de marca que o outro (a) carrega.Isso está ao largo do que conceitou tão precisamente o apóstolo São Paulo, quando em sua Carta aos Coríntios, disse: "O amor é paciente, bondoso, não é invejoso, não é arrogante, não se ensoberbece, não é ambicioso, não busca seus próprios interesses, mas regojiza-se com a verdade, tudo perdoa, espera e suporta." Uma utopia diante o amor líquido presente na contemporaneidade.

Ademais, cada vez mais é frequente a confusão em torno do amor e da paixão. É perfeitamente possível apaixonarmo-nos por um belo sorriso, por um corpo escultural (belo), por um gesto galanteador, por um perfume e até por um look adequado usado por alguém. A paixão, irracional que é, não tem razões para se instalar. Entretanto, associar isso ao amor é uma tacanhez imperdoável e, de consequências desastrosas. Mas a verdade é que o ser (s) tem tanta carência de amor – afeto – que basta um desses atributos presentes em uma pessoa, para logo se entregarem de bandeja, sem nenhum receio e de forma avassaladora. Diante de tanta falta, "qualquer roupa veste a um nu". E se mesmo o amor, foi entendido como efêmero, conforme deixou-nos de legado, o genial poetinha, Vinicius de Moraes, tendo dito: "Que seja eterno, enquanto dure"; imaginemos a paixão.

Quando consultada por alguém sobre o assunto, costumo dizer que beleza e/ou conta bancária não sustentam uma relação por muito tempo, emocionalmente falando. Muitos dos relacionamentos pautados nestes voláteis adjetivos, não resistem sequer a um papo reto - uma conversa de algumas horas – onde o velado é revelado e aí o encanto se extingue, pois, a beleza, carro do ano, a fama e a profissão são inconsistentes demais para sustentarem a realidade descoberta do outro ser. Empós a descobertas da nulidade de essência – conteúdo -, o comprado, o programado, a casca, se esvai e com esses o ´amor`. Para se amar é necessário antes de qualquer coisa que nos amemos. Sei que digo o velho clichê, mas que faz toda a diferença. Uma pessoa que não consegue sequer suportar a si mesmo por algumas horas, não tem a mínima condição de aventurar-se numa relação a dois. A verdade nua e crua é a de que a aparência jamais se sobreporá a essência – o que tem dentro da pessoa é o que realmente vai ser prioridade.

Quando nos conhecemos, mesmo que minimamente, temos as condições para buscarmos um amor, posto que somente aí é que a gente tem a maturidade de reconhecer no outro (a) suas virtudes e defeitos e colocar na balança o que prevalece e me é suficiente. É preciso saber, já que não há garantias na vida, se vale a pena ou não. Se é o tal do amor ou se vai ser só mais uma paixão, chuva de verão. A De minha parte, recorro a poesia e vaticino: se você é daquelas que acreditam no amor, perceba amor é o que você não via e agora entende e, se gostar, fica., afinal, a gente ama mesmo é o que o outro é em palavras e em sentimentos. Apesar do "amor" ter sido a razão de tantas tragédias, ele pode sim, ser um belo drama eivado de romantismo.

Open in new window
Dependência Química:
| Este artigo ainda não foi avaliado | 0.
  1 2 3 4 5 6 7 8 9 10  

Publicidade

Colunas BAB

Por Rossana_Brasil

Relações virtuais!

15 Apr 2021
Porém, após o advento do Whatsapp cada vez mais as pessoas sentem uma espécie de desconforto com os telefonemas...
Por Emanuel_Santos

Definitivamente: não é mais um número!!!

03 May 2021
É nesse contexto que me somo ao discurso daqueles que dizem que as vítimas do coronavírus não são somente números.
Por leonardofsampaio

Vende-se um açude!!!

16 Mar 2020
"...Pelo visto, não basta só se indignar, é necessário gritar, ou até acampar exigindo atitudes dos gestores públicos..."
Por VALENTIM

Das casas de Taipos aos Condomínios fechados.

20 Apr 2021
Com o passar dos tempos suas paredes foram substituídos por tijolos de cerâmicas, muito mais resistente e econômico.
Por Robson
Conteúdo sobre a RCC, Renovação Carismática Católica

Vamos ser julgados!

04 Jan 2021
...Olhe para você. Tens cuidado de você? Você é uma casa, comprada por um alto preço! Tens cuidado de você?...